Universidade Federal do Maranhão (UFMA - HU)

Centro Universidade Federal do Maranhão

O Hospital Universitário da Universidade Federal do Maranhão (UUFMA) faz parte de um grupo de 47 unidades de Hospitais Universitários, vinculados às Universidades Federais, localizadas em 21 estados e no DF; os mesmos desempenham um papel estratégico na atenção à saúde, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS); faz parte do grupo de hospitais administrados atualmente pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), empresa pública vinculada ao Ministério da Educação, criada pela Lei Federal nº 12.550, de 15 de dezembro de 2011, sendo formado por duas unidades: Unidade Presidente Dutra, fundada em 1951 e Unidade Materno-Infantil, fundada em 1984, totalizando 501 leitos hospitalares. É uma Instituição federal do Ministério da Educação cedida à Universidade Federal do Maranhão em 17 de janeiro de 1991, a partir de quando assumiu a função de único hospital de ensino do Estado, com uma política voltada para atender às necessidades da população. Tem como missão formar profissionais de saúde e atender aos usuários do SUS, com qualidade, atuando, portanto, em várias vertentes: da assistência, ensino, pesquisa e extensão, todas voltadas para uma melhor qualidade de vida da população. As ações assistenciais desenvolvidas no Hospital Universitário são pautadas na Política Nacional de Humanização da Atenção e da Gestão, existindo, portanto, um intenso trabalho de valorização do profissional de saúde, incluindo capacitação, sensibilização e cuidados o que garante ao usuário qualidade técnica e acolhimento, respeitando valores individuais.

A Unidade Materno Infantil (HUUMI) da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) é um importante centro formador de profissionais de saúde do Estado e ocupa um papel de destaque no que diz respeito à assistência à saúde da mulher e da criança, tanto em atendimento ambulatorial quanto internação. A sua maternidade realiza em média 6600 partos por ano e conta com a primeira das quatro Unidades Neonatais de caráter público do Estado, sendo um hospital de referência para gestações de alto risco.

É Centro Nacional de Referência do Ministério da Saúde para a Atenção Humanizada ao RN de Baixo Peso – Método Canguru, e coordena os 4 outros centros, além de ser Hospital Amigo da Criança. O Serviço de Neonatologia distribui-se em cinco diferentes setores: atendimento no Centro de Parto, Alojamento Conjunto, Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais (UTIN), Unidade de Cuidados Intermediários Neonatais (UCINCo), Unidade de Cuidados Intermediários Neonatais Canguru (UCINCa) e Ambulatório de Seguimento de recém-nascidos pré-termo. O bebê é acompanhado desde a vida intrauterina na Enfermaria de Gestação de Alto Risco até os sete anos de idade, quando recebe alta do seguimento ambulatorial especializado. Anualmente são admitidos em média 500 recém-nascidos na UTIN; os mesmos são acompanhados juntamente com suas famílias pela equipe multiprofissional até a alta, quando são encaminhados para o ambulatório de seguimento e/ou ambulatórios da Atenção Básica, através de parcerias estabelecidas previamente.

O Serviço recebeu Certificação de Qualidade ISO 9001/2000 em 2009 e em 2012 foi recertificado. Em 2010 foi um dos setores certificados responsáveis pelo Prêmio BANAS de qualidade fornecido ao Hospital Universitário (HUUFMA).

O Serviço possui cinco vagas credenciadas pela Comissão Nacional de Residência Médica do MEC para Residência Médica em Pediatria com Área de Atuação em Neonatologia, além de atuar no Programa de Residência Médica em Pediatria, recebendo residentes do 1° e 2 ° ano. Atua ainda como área de capacitação para a Residência Multiprofissional do HUUFMA nas categorias de Assistente Social, Fisioterapia, Psicologia, Enfermagem e Terapia Ocupacional.

O atendimento no Centro de Parto é realizado por equipe completa incluindo pediatra plantonista 24 horas por dia, enfermeira e técnicos em enfermagem capacitados em Reanimação Neonatal e Atenção Humanizada (Método Canguru), onde são realizadas as boas práticas recomendadas pela OMS (Clampeamento tardio, contato pele a pele e aleitamento materno na primeira hora). Em 2016, o HUUFMA tornou-se um dos 6 hospitais “Centros de Referência para Boas Práticas no Atendimento ao Parto e Nascimento” pela Rede Cegonha- Ministério da Saúde.

A área de Alojamento Conjunto possui 66 leitos e atende as díades mãe-bebê, distribuídos em enfermarias de acompanhamento de parto vaginal e enfermarias de acompanhamento de parto cesárea, com equipe assistencial incluindo pediatras diaristas, enfermeiras, psicólogas, fonoaudiólogas e pediatras docentes da UFMA. Na assistência ao recém-nascido normal, estão incluídos os testes do coraçãozinho, teste do olhinho, teste do pezinho e vacinação, assim como acompanhamento dos casos pelo Banco de Leite Humano.

A UTIN possui vinte leitos de cuidados intensivos, com equipe de pediatras plantonistas 24 horas e duas neonatologistas diaristas com título de especialista em Neonatologia, além de equipe multiprofissional composta de terapeuta ocupacional, fonoaudióloga, enfermeiras diaristas, psicóloga, assistente social, nutricionista e fisioterapeuta. Possui serviços de apoio: Laboratório, Radiologia, USom no leito, CT, RM, Ecocardiograma, Triagem Auditiva, BERA e oftalmologista (retinólogo) de rotina.

Em média, internam 40 a 50 recém-nascidos mensalmente na UTIN, sendo 20% de recém-nascidos com menos de 1500 g. Os principais diagnósticos prevalentes na internação são prematuridade e malformações congênitas.

O Hospital dispõe de Banco de Leite Humano e promover o aleitamento materno é função de toda a equipe; o serviço conta com uma enfermeira diarista e duas fonoaudiólogas que desenvolvem atividades exclusivamente voltadas para a promoção e apoio ao aleitamento materno.

O Serviço encontra-se apto a conduzir o conteúdo inserido na especialidade de Neonatologia atualmente, além de possuir ambiente propício para desenvolvimento de estudos, acesso a pesquisas bibliográficas e troca de informações científicas através do convívio interinstitucional em Redes. No ambiente do Serviço, convive-se diariamente com as ações de humanização da assistência, envolvendo o trabalho da equipe multiprofissional.

Desde 2009, mensalmente é enviado relatório de indicadores para Gerência de Atenção e Núcleo de Qualidade, com análise crítica sobre infecção e mortalidade da Unidade.

A UCINCo e UCINCa comportam 10 leitos para bebês em recuperação nutricional, cujas mães não puderam ficar em companhia de seus filhos e 12 leitos onde a díade mãe-bebê pode permanecer junto com toda infraestrutura necessária para que amadureçam o apego e habilidade práticos necessários ao bem estar de ambos, inclusive após a alta. A equipe multiprofissional atua de forma interdisciplinar, colocando em prática o cuidado singular e progressivo para cada recém-nascido e sua família.

No ambulatório de seguimento são acompanhados bebês egressos do Serviço, nas áreas de crescimento e desenvolvimento, puericultura, monitorização e tratamento das principais morbidades de maior prevalência nessa população. Executa ainda, programa de visita domiciliar as crianças de maior risco, proporcionando um menor índice de reinternações. O acompanhamento é feito até que as crianças atinjam a idade de sete anos. Possui equipe composta por pediatras, enfermeiras, assistente social, psicóloga, fonoaudióloga e terapeuta ocupacional, além das especialidades cardiologista pediatra e oftalmologista. Todas as crianças fazem Triagem Auditiva através do Teste da Orelhinha (Emissões otoacústicas) e BERA, quando indicado.

Profissionais Responsáveis na RBPN

Marynéa Silva do Vale
Patricia Franco Marques
Fernando Lamy Filho

Endereço: Rua Silva Jardim, 215, centro- S Luís- MA
Site: http://www.ebserh.gov.br/web/hu-ufma
Tel: 98 21091170
Contato: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. | Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.